1
Artigos

Boa alimentação durante a amamentação

É importante manter a dieta de amamentação variada e saudável você estava seguindo durante a gravidez.

 

Produzir leite materno para satisfazer um recém-nascido faminto é uma tarefa árdua e consome muita energia – cerca de 500 calorias por dia. Portanto, tente comer um pouco mais do que o normal. Se você comer pouco, seu corpo ainda produzirá leite de boa qualidade, mas você ficará sem energia. Isso também pode retardar a recuperação de seu corpo após o parto.

Sua dieta de amamentação – comer o suficiente


Tente fazer um ou dois lanches calóricos durante o dia, além das suas três refeições principais. Experimente, por exemplo, um sanduíche de presunto ou frango, queijo, torrada ou frutas secas e nozes (contanto que você não tenha um histórico familiar de alergia a castanhas)? Iogurte, cereais ou sopas frescas são boas opções também.

Alimentos ricos em ferro


Talvez seja necessário que você tome comprimidos de suplementos de ferro se descobrir que seus níveis de ferro estão baixos – eles realmente ajudam a reduzir o cansaço. Você também pode adicionar alimentos ricos em ferro à sua dieta de amamentação, como carne vermelha, cereais fortificados, gema de ovo bem cozida e vegetais de folhas verdes. A vitamina C ajuda o corpo a absorver o ferro dos ovos, vegetais e cereais. Por isso, não se esqueça de incluir alimentos como batatas, frutas cítricas, tomates e pimentas.

Alimentos para comer com moderação


Acredita-se que alguns alimentos podem causar problemas para os bebês quando passados pelo leite materno. Os problemas incluem: muitos gases, sintomas de cólica e até diarreia. Os culpados comuns são o tomate, consumo excessivo de suco de frutas cítricas ou frutas, alho e cebola crua, repolho e couve-de-bruxelas, morangos, cogumelos, refrigerantes, alimentos picantes, chocolate e todos os tipos de leguminosas. Você não deve cortar todos eles completamente, apenas comê-los com moderação e apenas excluí-los se achar que eles estão causando algum problema ao bebê.

 

Às vezes, a sensibilidade aos alimentos lácteos pode causar sintomas do tipo cólica no bebê. Se você estiver pensando em cortar alimentos lácteos por um tempo, consulte seu médico primeiro para garantir que você ainda obtenha os nutrientes vitais que você e seu bebê precisam.

 

Outra boa dica é tentar evitar o excesso de cafeína no chá, café, Coca-Cola e outros refrigerantes. Caso contrário, o bebê poderá ficar agitado e desperto.

Conforto


Você pode ficar mais confiante se praticar em casa primeiro, sem travesseiros e em poltronas diferentes. Experimente diferentes tipos de roupas que podem ser facilmente desabotoadas ou uma blusa própria para amamentação.

 

Quando você estiver pronta para tentar amamentar em público, acomode-se em uma poltrona confortável com um bom encosto. Se você acha que se sentirá autoconsciente, sente-se de costas para a maioria das pessoas no restaurante ou café. Um lenço ou uma fralda pode ajudá-la a amamentar de forma mais discreta também. Basta colocá-lo sobre uma área descoberta quando o bebê já estiver mamando.

 

Uma boa dica é ter um copo de água à mão – amamentar dá sede! Além disso, evite sentar-se muito perto de uma fonte de calor porque isso aumenta a temperatura do corpo.

 

Lembre-se de que as informações contidas nestes artigos são apenas recomendações gerais e não devem, em hipótese nenhuma, substituir as recomendações médicas. Se você ou sua família apresentarem algum sintoma ou quadro clínico grave ou persistente ou se você precisar de recomendações médicas específicas, procure um médico. A Philips Avent não poderá ser responsabilizada por nenhum dano resultante do uso das informações fornecidas neste site.