1
Artigos

Preparação do seu plano de parto

Um plano de parto é uma lista simples que informa seu médico, parteira e enfermeiras sobre suas preferências para o nascimento do seu filho. Mesmo que você não siga o plano no dia, preparar uma lista de desejos expressando como você gostaria que as coisas transcorressem é uma boa forma de pensar em diferentes cenários.

 

Seu plano de parto deve incluir informações sobre:

Seu ambiente ideal

 

  • Onde você gostaria de dar à luz?
  • Você gostaria de houvesse música tocando?
  • Você está planejando usar aromaterapia, água, hypnobirthing ou outras técnicas?
  • Você permitiria que estudantes de medicina observassem seu parto?

Sua "equipe A"

 

  • Quem você gostaria que estivesse com você durante o parto?
  • Há alguém que você prefira que não entre no quarto?

Alívio da dor

 

  • Há algum método de alívio da dor específico que você gostaria de usar? Por exemplo, você gostaria de ter acesso a medicamentos ou uma piscina de parto?
  • Há algum medicamento para alívio da dor que você preferiria evitar? Por exemplo, você prefere que não lhe ofereçam uma epidural?

Medidas de emergência

 

  • Você tem uma opinião definida sobre o uso de fórceps ou vácuo extrator?
  • Como você se sentiria se lhe oferecem uma cesariana de emergência?

Pós-natais

 

  • Você gostaria que alguém especial cortasse o cordão umbilical do bebê?
  • Você gostaria de contato pele a pele imediato?
  • Existe alguma outra maneira específica na qual você gostaria de se relacionar com seu bebê?
 

Assim que você fizer uma lista das suas preferências, compartilhe-a com sua equipe de assistência, dê uma cópia ao seu parceiro ou à pessoa que irá acompanhá-la no parto e mantenha outra em sua mala para o hospital. Prepare-se para ser flexível, já que o parto de uma criança é algo imprevisível. A maioria dos profissionais tenta cumprir suas solicitações do plano de parto, desde que a sua segurança e a de seu bebê estejam garantidas.

Sucção para tranquilização

 

Chupetas podem ajudar alguns bebês, mas outros podem não demonstrar qualquer interesse por elas.

Esfregar as costas

 

  • Deite seu bebê de barriga para baixo
  • Passe as mãos nas costas dele para ajudar a aliviar as dores dos gases
 

Felizmente, mesmo se seu bebê for diagnosticado com cólica, o problema geralmente desaparece em três a quatro meses. Se seu filho ainda tiver cólicas depois desse período, ligue para seu pediatra.

 

Lembre-se de que as informações contidas nestes artigos são apenas recomendações gerais e não devem, em hipótese nenhuma, substituir as recomendações médicas. Se você ou sua família apresentarem algum sintoma ou quadro clínico grave ou persistente ou se você precisar de recomendações médicas específicas, procure um médico. A Philips Avent não poderá ser responsabilizada por nenhum dano resultante do uso das informações fornecidas neste site.