A Philips Lighting ilumina o Rio de Janeiro à medida que a cidade se prepara para o maior evento desportivo deste verão


A Philips Lighting está a prepara a cidade para o maior evento desportivo do verão, iluminando as suas principais autoestradas e pontos turísticos: Porto Maravilha, Arco Metropolitano, Elevado do Joá e Museu do Amanhã

São Paulo, Brasil – A Philips Lighting, líder global em iluminação, anunciou hoje a conclusão de quatro importantes projetos de iluminação pública no Rio de Janeiro, no âmbito da melhoria das infraestruturas da cidade em preparação para o evento desportivo de 2016. Os organizadores esperam atrair mais de meio milhão de visitantes internacionais à cidade para os jogos deste verão. A profunda remodelação na iluminação incluiu os principais percursos e pontos turísticos da cidade: a zona portuária de Porto Maravilha e as autoestradas do Arco Metropolitano e Elevado do Joá estão equipadas com iluminação LED energeticamente eficiente que irá contribuir para uma maior segurança e poupança de energia. O Museu do Amanhã oferecerá aos visitantes uma experiência única de luz e som, na qual a iluminação LED dinâmica interage com a música ambiente.

 

“Enquanto líder mundial ao nível da iluminação, a Philips está entusiasmada por se juntar ao Rio de Janeiro na preparação da cidade para os seus visitantes internacionais, ao mesmo tempo que cria um legado duradouro para a sua crescente população para o futuro. As melhorias fornecidas pela iluminação LED, como a maior segurança e a redução das faturas de energia, permitem à cidade resolver problemas económicos, ambientais e sociais em simultâneo”, afirma Yoon Young Kim, Diretor-geral da Philips Lighting Brasil.

 

A nova zona portuária e duas autoestradas remodeladas com iluminação LED

 

A zona portuária, denominada Porto Maravilha, foi revitalizada pela Concessionária Porto Novo. No âmbito do projeto de renovação, a área foi equipada com 750 LED GreenVision Xceed da Philips, que irão fornecer até 50 por cento de poupança de energia em comparação com a iluminação convencional. Além desta tecnologia, ambos os túneis da região foram equipados com os equipamentos de iluminação LED Tunnel BWP350 da Philips, que garantem níveis de iluminação seguros para os condutores.

 

O sistema de iluminação LED instalado no Porto é gerida pelo CityTouch da Philips, um sistema de iluminação viária ligado que está integrado no Centro de Controlo de Operações (CCO) da Concessionária Porto Novo, permitindo a monitorização e o controlo remotos de cada ponto de luz individual e programação da manutenção. O sistema permite, igualmente, o ajuste remoto dos níveis de iluminação de acordo com as necessidades específicas da área, o que reduz significativamente o consumo de eletricidade.

 

O Arco Metropolitano, uma autoestrada na Região Metropolitana do Rio de Janeiro que liga a região de Itaboraí ao Porto de Itaguaí, foi equipado com 4360 equipamentos de iluminação GreenVision Xceed Solar da Philips. Cada luminária tem um painel solar integrado que converte luz solar em eletricidade e fornece uma opção de iluminação sustentável. A Iluminação Philips participou neste projeto em parceria com a Kyocera Solar, uma empresa especializada no fabrico e distribuição de soluções de energia elétrica solar.

 

' Outra importante autoestrada, Elevado do Joá, situada na zona ocidental da cidade e que liga o Largo da Barra a São Conrado, utiliza 986 luzes de túnel FlowBase LED da Philips e 369 luzes GreenVision Xceed da Philips para reduzir o consumo de energia e fornecer uma iluminação uniforme e eficiente aos quatro túneis ao longo da estrada.

 

Museu do Amanhã atrai visitantes com iluminação LED dinâmica interativa

 

A Iluminação Philips colaborou com o Museu do Amanhã, uma atração turística recentemente inaugurada no Rio de Janeiro e um "projeto luminotécnico", desenvolvido pela arquiteta Mônica Lobo, da LD Studio. A área final da exposição, Oca da Imaginação, que leva o visitante até um futuro longínquo, foi equipada com equipamentos exclusivos de iluminação LED dinâmica da Philips (Color Kinetics iColor MR gen3 e iW Burst Powercore da Philips) capazes de reproduzirem diversas cores e de interagirem com a música ambiente. Com esta iluminação cénica, os visitantes conseguem usufruir de uma experiência única e interativa.

 

De acordo com a arquiteta e designer de iluminação do Museu do Amanhã, Mônica Luz Lobo, foi dada grande atenção à integração de todos os equipamentos de iluminação de modo a destacar a graciosidade arquitetural do edifício, a par do compromisso para a certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design).

Para mais informações, favor contatar:

 

Eeva Raaijmakers

Philips Lighting

Tel: +31612350597

Email: eeva.raaijmakers@philips.com

 

Natasha Bonomi

FleishmanHillard – Brazil
Tel: +55 11 3185-9905
Email: natasha.bonomi@fleishman.com.br

 

Érica Sato

FleishmanHillard – Brazil

Tel: +55 11 3185-9928
Email: erica.sato@fleishman.com.br

Acerca de Philips Lighting

A Philips Lighting, uma sociedade da Royal Philips (NYSE: PHG, AEX: PHIA), é líder global em produtos, sistemas e serviços de iluminação. A nossa perceção de como a iluminação afeta as pessoas, aliada aos nossos profundos conhecimentos tecnológicos, permite-nos apresentar inovações no setor da iluminação digital que abrem novas perspetivas de valor comercial, proporcionam experiências enriquecedoras aos utilizadores e contribuem para melhorar a qualidade de vida. Servindo os mercados profissionais e de consumo, vendemos mais iluminação LED eficiente em termos energéticos do que qualquer outra empresa. Lideramos o setor em termos de sistemas de iluminação ligados, potenciando a Internet das Coisas para dar à luz um sentido que ultrapassa o mero conceito de iluminação e transformar casas, edifícios e espaços urbanos. Em 2015, as nossas vendas atingiram 7.500 milhões de euros e criamos emprego para mais de 33 000 pessoas em todo o mundo.

 

4 Julho, 2016