Philips promove alerta sobre a escassez de luz no mundo

Março 9, 2015

A Royal Philips, líder mundial em iluminação, adverte que milhões de pessoas estão morrendo porque um quinto da população mundial não tem acesso à luz elétrica. Mais de 1,3 bilhão de pessoas[1] estão presas na pobreza por terem acesso escasso à eletricidade. A maioria das pessoas afetadas utilizam lâmpadas de querosene e velas para iluminar suas casas e empresas. Porém, essas fontes de luz são primárias e tiram a vida de 1,5 milhões[2] de pessoas todos os anos por causarem doenças respiratórias e incêndios - o mesmo número de mortos anualmente por doenças relacionadas com o HIV.

 

O alerta vem com o lançamento das Nações Unidas do Ano Internacional da Luz. A iniciativa global vai fazer a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) trazer para perto uma grande quantidade de stakeholders. Sociedades científicas e sindicatos, instituições educacionais, plataformas de tecnologia, organizações sem fins lucrativos e parceiros do setor privado, irão, ao longo de 2015, destacar o impacto da luz sobre o desenvolvimento social e econômico.

 

A falta de luz afeta enormes faixas de população da África, Ásia e América do Sul chegando ao baixíssimo 1,5%[3] de acesso à energia elétrica no Sudão do Sul. Em muitos países em desenvolvimento, redes elétricas são inviáveis devido às restrições geográficas e financeiras de vincular centenas de comunidades distantes. No entanto, a tecnologia LED solar pode fornecer iluminação por uma fração de custo se comparado com lâmpadas de querosene. Além disso, não necessita grandes investimentos em infraestrutura e não oferece perigo a saúde, segurança ou ao meio ambiente.

 

"O sofrimento humano nesta escala é inaceitável no século 21", disse Eric Rondolat, CEO da Philips Lighting. "A iluminação LED com energia solar pode transformar as comunidades rurais e salvar milhões de vidas. Além do mais, ela não tem que ser inventada - ela já existe e já foi testada. Chamo a atenção dos políticos para se comprometem a acabar com a escassez de luz até 2030”.

"O argumento econômico para agir é irresistível - a luz é essencial para a prosperidade humana. Eliminar a escassez de luz para 1,3 bilhão de pessoas não só terminaria com a limitação do desenvolvimento econômico, social e cultural, mas também traria um enorme impulso ao PIB global".

 

Uma única luminária de LED alimentada por energia solar não gasta eletricidade e pode iluminar uma sala de forma sustentável por um custo entre 10 e 20 dólares, enquanto a fatura anual para abastecer um lampião de querosene é de 50 dólares. Em larga escala, a eficiência energética das luminárias de LED e painéis solares podem ser combinados para gerar iluminação pública sustentável, impulsionando a vida noturna em diversas comunidades. Os Community Light Centers permitem o desenvolvimento de serviços de cuidado com a saúde e o desenvolvimento, além de encorajar a realização de atividades esportivas e sociais.  A Philips está instalando 100 Community Light Centers em 12 países da África, onde cerca de 500 milhões de pessoas não têm acesso à iluminação.

 

Descubra como o Projeto “Gift of Light” (o presente da luz) da Philips vem ajudando comunidades no Congo:  http://youtu.be/44fKNyIu0hQ

Veja por que a luz é fundamental para a vida: http://youtu.be/KEIQgk9Yxng



[1] Fonte: International Energy Agency

[2] Fonte: World Health Organisation

[3] Fonte: The World Bank

Press information:

Daiane Macedo | daiane.macedo@fleishman.com.br

Natasha Bonomi   | (11) 9 7155-2863 | natasha.bonomi@philips.com

Erica Sato   | (11) 98858-2911 | erica.sato.fleishman@philips.com

 

.

Sobre a Philips

A Philips do Brasil é uma subsidiária da Royal Philips da Holanda e atua no País há 90 anos. Líder dos mercados locais de eletroeletrônicos, eletrodomésticos portáteis, produtos para cuidados pessoais, lâmpadas, aparelhos de raios-X e sistemas de monitoramento de pacientes. Outras informações para a imprensa estão disponíveis no site da Philips do Brasil: www.philips.com.br.

.

Sobre a Royal Philips

A Royal Philips (NYSE: PHG, AEX: PHI) é uma empresa diversificada de saúde e bem-estar, com foco em melhorar a vida das pessoas por meio de inovações nas áreas de Healthcare, Consumer Lifestyle e Lighting.  Com sede na Holanda, a Philips fechou em 2014 um faturamento de EUR 21,4 bilhões e contou com aproximadamente 105.000 funcionários nas áreas de vendas e serviços em mais de 100 países. A empresa é líder em soluções para cuidados cardíacos e intensivos e com a saúde e bem-estar em casa, soluções de iluminação energeticamente eficientes e novas aplicações de iluminação, bem como barbeadores elétricos e cuidados de saúde oral. Notícias da Philips em www.philips.com/newscenter

.